O que é um domínio de Internet, como funciona e como registrar

Também estamos lá
Facebook Twitter Linkedin Pinterest

Vamos ver neste artigo o que é e como funciona um domínio de internet de forma bem simplificada para que todos possam entender.

A cada dia que passa aumenta o número de empresas e profissionais que desejam trazer seus negócios para o mundo virtual. Porém muitas destes profissionais ou responsáveis por estas empresas não sabem ou não entendem o que é um domínio de Internet.

Começando pelo início, o endereço IP.

Antes de entrar no assunto sobre domínios, é necessário falar sobre o IP. Não vou entrar em detalhes, vou só passar apenas uma noção básica da definição do número de IP.

A definição mais básica número de IP, é que ele é um identificador único que identifica um dispositivo conectado a uma rede computadores.

Todo dispositivo que se conecta a uma rede, seja ela uma rede doméstica ou a Internet, recebe um número de IP que irá identificar este dispositivo na rede. Se você usa o seu smartphone na sua rede WiFi doméstica, você pode acessar as configurações de rede do aparelho e poderá ver o número IP atribuído a ele. Este IP é único na rede e somente o seu smartphone usará este número IP.

Na Internet, os sites são hospedados em máquina conhecidas como servidores. Cada servidor tem um IP de Internet atribuído a ele. Então, de forma simplista, teoricamente você poderia visitar um site digitando o número IP da máquina onde ele está hospedado. Mas é claro, existem procedimentos mais complexos nesse processo, mas basicamente é isto.

O domínio facilita as coisas

Agora com o conhecimento básico do que é um número de IP, vamos a definição de domínio Internet. O domínio internet é o seu endereço virtual e a sua marca na Internet. Temos ai alguns domínios famosos como cocacola.com.br (IP. 52.14.144.171) e ibm.com.br (IP. 129.42.38.1), por exemplo. Estes domínios também têm números IPs relacionados a eles. Então imaginemos como seria acessar um site digitando o IP dele. Como seria decorar o IP de todos os sites que você visita regularmente? Seria muito complicado, né não?

Com isso, o que temos é que um domínio Internet pode ser definido como seu nome, sua marca ou seu endereço virtual que pode ser usado pelo seu cliente ou pessoa interessado no seu negócio, para acessar o seu site facilmente.

Artigos relacionados:

O registro do domínio

Como o domínio é a marca, nome ou endereço virtual de uma pessoa ou empresa no mundo virtual, é preciso haver um controle para que um domínio não seja utilizado por mais de uma pessoa ou empresa. Por isso é necessário registrar o domínio em órgãos oficiais com fazem este controle.

Ao registrar um domínio, você garante a propriedade sobre ele e mais ninguém pode utilizá-lo enquanto as regras do registro forem respeitadas por você e for feita a renovação do registro mediante o pagamento de uma taxa de renovação paga anualmente.

Todos os domínios registrados no Brasil tem a sufixo .br. Isto porque todo domínio tem que ter como último segmento ou domínio de topo (sigla: TLD, do inglês top-level domain), domínio de nível superior ou domínio de primeiro nível, o identificador do país onde está registrado (http://www.dicweb.com/dominio.htm). A exceção são os domínios registrados nos EUA com sufixo .com, que mantêm como TLD o próprio .com e não contam com o identificador de país.

Como o berço da Internet comercial é o EUA, nos primórdios todos os domínios comerciais eram .com já que todos os domínios eram cedidos ou registrados nos EUA. Conforme a Internet se popularizou e a tecnologia se espalhou pelo mundo, foram criadas novos TLDs e assim surgiram os TLDs de países como por exemplo:

  • .pt (Portugal)
  • .ao (Angola)
  • .gb (Reino Unido)
  • .br (Brasil).

Mais tarde surgiram os TLDs para profissionais ou instituições, como os conhecidos .org (organização sem fins lucrativos), .gov (governos) e .net (redes de comunicação). E os menos conhecidos como .int (instituições internacionais), .coop (cooperativas) e .aero (indústria aero-transportadora).

Por isso registrar um domínio .com para uma empresa que atual localmente é um erro. Muitas pessoas ao escolherem um domínio para registrar, optam por registrar domínios .com, e alguns profissionais de Internet além de apoiarem isso, ainda orientam seus clientes a fazerem o mesmo como se estes domínios adquirissem algum status diferenciado em relação ao domínios .com.br.

O Fato é que empresas nacionais que não tenham atuação no exterior não devem registrar domínios internacionais .com pois além de ser um erro conforme as regras de atribuição de nome de domínios, estes domínios costumam ser mais caros e o seu registro são feitos em órgãos no exterior, o que dificulta a sua administração e muitos destes domínios são perdidos devido a dificuldade por parte do proprietário de conseguir informações sobre o registro, forçando frequentemente o proprietário a registrar outro domínio .com.br.

Registrando domínios

O processo do registro de um domínios pode ser feito por empresas particulares como a GoDaddy, Wix entre outras, que fazem a intermediação entre o cliente e o órgão oficial no processo de registro. Geralmente este serviço é vinculado à contratação da hospedagem de sites ou a serviços de e-mail mas também é possível fazer o registro do domínio sem contratar estes serviços.

Também é possível fazer todo o processo diretamente no órgão oficial sem que a necessidade intermediação. Ao optar por fazer o registro do domínio através de intermediários, tudo relacionado ao domínio fica na responsabilidade do intermediário incluindo a cobrança da renovação que pode inclusive ser maior que a taxa cobrada diretamente pelo órgão oficial. Além disso, se você necessitar fazer alguma alteração no domínio, como por exemplo transferi-lo para outra empresa onde você decidiu hospedar o seu site, será necessário abrir um processo de transferência junto à empresa onde você fez o registro solicitando a geração de um código de transferência que deverá ser utilizado pela empresa para onde você está transferindo o domínio para concretizar o processo de transferência.

Por outro lado, o registro feito diretamente no órgão oficial dá mais independência em qualquer decisão que o proprietário tomar sobre o domínio assim como na execução de qualquer ingerência sobre o ele.

Nesta forma de registro, é criada uma conta no sistema de registros de domínio com os dados do proprietário e através de uma ID de usuário e a uma senha, o proprietário ou um profissional contratado por ele, pode acessar o sistema e fazer qualquer alteração nas configurações do domínio, inclusive transferências. Também será possível ter acesso a informações de pagamento da anuidade e por exemplo, determinar qual será a validade da nova renovação, se em um, dois ou três anos. Com isso a autonomia do proprietário e total.

O domínio serve só para o meu site?

Você pode registrar um registro para utilizá-lo no seu site mas além disso, o domínio também é necessário para a criação de contas de e-mail profissionais.

Se você gostaria de poder ter endereços de e-mail personalizados com o nome da sua empresa, como por exemplo contato@advogados.com.br, vendas@confeitaria.com.br, reservas@restaurante.com.br ou atendimento@mecanica.com.br, você vai precisar de um domínio registrado. Então você pode registrar um domínio somente para utilizá-lo na sua conta de e-mail comercial sem a necessidade de ter um site para isso.

Como fazemos

A Concepção Web faz o registros de domínios diretamente no órgão oficial de administração de domínio de Internet no Brasil onde criamos uma conta para o cliente com os dados fornecidos por ele, ficando o domínio vinculado ao CPF ou CNPJ do cliente, garantindo a propriedade do domínio.

Resumindo, o domínio é muito importante para quem quer marcar presença na web. A presença da sua empresa na Internet está vinculada ao seu domínio assim como os endereços de e-mail.

Se ainda ficou alguma dúvida sobre domínios, entre em contato conosco através da página de contatos do site ou pelo Whatsapp.

Jorge Rodrigues

Jorge Rodrigues

Webmaster e desenvolvedor web full-stack. Self-employed na Concepção Web. Técnico em processamento de dados, com especialização em Programação de Computadores, Redes Locais e em Protocolo e Cabeamento Estruturada de Redes Locais pela Universidade Estácio de Sá.

More Posts